Adib deixa Saúde ao Deus-dará: Santa Casa extingue os serviços de pediatria, cardiologia e psiquiatria

O Secretário da Saúde de Catalão deu o maior exemplo de que a Pasta que comanda não é confiável, está decadente e vai muito mal, quando se submeteu a uma cirurgia de baixa complexidade em um renomado e caríssimo Hospital de São Paulo, o Sírio Libanes à custas do dinheiro do contribuinte Catalano. Ao se esquivar dos bisturis e dos materiais reciclados e enferrujados que ele supre aos Hospitais comandados por ele, passamos a entender um pouco mais o sofrimento e o descaso pelo qual passam os pacientes carentes que deles necessitam.

De fala fácil e convincente quanto a plateia é formada por pessoas humildes e de baixo nível de conhecimento, Fernando usou do seu criminoso poder de convencimento para cometer de cima dos palanques, o maior golpe de estelionato eleitoral que se tem notícias na política nacional. Premiado por Adib Elias para substituir João Sebba, que não deu conta do recado e saiu logo de cena pela sua incapacidade administrativa, o bôbo da corte Fernando caiu como uma luvas para ser o fantoche de Adib, avalizando as carnificinas e as 5 mortes ocorridas nos corredores destes estabelecimentos municipais de saúde.

Em apenas 6 meses à frente da pasta, o Playboy desmontou a UPA e as UBS’s herdadas de Jardel, esvaziou os estoques de remédios das Farmácias Municipais, extinguiu o programa Remédio em Casa, sucateou o Hospital Materno Infantil, não cumpriu promessas de campanha como a nova UTI NEONATAL, fragilizou a área ODONTOLÓGICA, e é o responsável pelos constantes atrasos de pagamentos dos profissionais da área de saúde, o que obrigou a Santa Casa de Catalão a extinguir os serviços de Pediatria, Cardiologia e Psiquiatria fornecidos aos pacientes carentes por falta de injeção de recursos, além de também fraudar o Concurso de Credenciamento da área de Saúde para beneficiar seu filho, o médico Leandro.

É esta a saúde fornecida por Adib e Fernando Netto hoje em Catalão, onde o cidadão tem que escolher até a hora para morrer do coração, para ter dor de dentes ou para que o filho recém nascido adoeça. Onde R$ 1,2 milhões de impostos arrecadados diariamente estão sendo guardados para serem usados na eleição de Adriete Elias para Deputada Estadual, porque se isso não for feito, ela abre a boca e conta todos os crimes cometidos por Adib Elias nestes 3 mandatos de pura roubalheira.

Compartilhe essa notícia:
Share on FacebookTweet about this on TwitterEmail this to someone

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *